j

Como maximizar as vendas do seu negócio utilizando o Marketing de Relacionamento e o Inbound Marketing?

Lembre-se, independente do ramo de atuação, seu negócio precisa estar na internet e atento a todas as mudanças do mundo digital. E acima de tudo, seja único, faça seu trabalho com muito amor e profissionalismo!

Nos dias de hoje, é cada vez mais comum encontrar empresas preocupadas com o sucesso de sua marca. Pensando nisso, grandes e pequenos negócios têm investido em diferentes estratégias para garantir o sucesso nas vendas e estreitar o canal de comunicação com o cliente. Afinal, não basta apenas vender, é preciso conquistar.


Nesse contexto, o Marketing de Relacionamento e o Inbound Marketing surgem como uma mão na roda. Entretanto, é fundamental conhecer as diferenças entre as duas funções e as vantagem que elas podem oferecer. Então, vamos lá!
O Marketing de Relacionamento tem como objetivo, manter contato constante entre empresa e cliente. Além de auxiliar e oferecer todo suporte no que diz respeito a produção de conteúdo, procedimentos específicos e também para sanar dúvidas. Desta maneira, é possível criar um vínculo de amizade e confiança com o cliente. Afinal, quem não gosta de falar e ser ouvido? Ou melhor, atendido! Esse tipo de estratégia é a mais indicada para além de vender, conquistar o público.


De acordo com Kotler e Armstrong (1999, p.11) um cliente pode ser definido como sendo a pessoa mais importante para uma empresa. Em outras palavras, ele não depende da empresa, ela é quem depende dele. O cliente deve ser visto como alguém que procura colocar em prática seus desejos, enquanto que a empresa, tem a missão de lhe satisfazer. É exatamente assim, que o Marketing de Relacionamento trabalha, com foco no cliente.
O Inbound Marketing é uma maneira da empresa mostrar seus produtos pouco a pouco, sem nenhum tipo de apelo. Por este motivo, o Inbound Marketing é divido em quatro etapas, sendo elas: atração; conversão; fechamento e fidelização. O primeiro passo, como o nome já diz, pretende atrair os clientes. A conversação é usada para apresentar os produtos de determinada empresa para o público. O fechamento e a fidelização utilizam estratégias voltadas para venda, e quando isso finalmente acontece, é feito um planejamento pós-venda, para fidelizar estes clientes.


Ambos os métodos, trazem resultados a longo prazo para empresa. Aliados, estas ferramentas podem potencializar ainda mais as vendas, fidelização de clientes e garantir um lugar de destaque no mercado. Isso por que o Marketing de Relacionamento aproxima o público da empresa. Ou seja, ele antecipa o que está por vir, que é justamente as quatro etapas do Inbound Marketing já citadas.
Encontrar e adotar ferramentas para maximizar as vendas na internet é de suma importância! De acordo com Google, cerca de 62% dos consumidores procuram informações na internet sobre determinado produto, antes mesmo de decidir pela compra. Por isso, quanto mais conteúdo de qualidade for encontrado, maiores são as chances de venda.


E por fim, aposte nas mídias sociais! Elas são a cereja do bolo, pois possuem um instrumento de estimulo para o sucesso das vendas, o compartilhamento. Ao fazer uma publicação no site oficial, o ideal é reaplicá-las nas redes sociais, para que um maior número de pessoas tenha acesso a essa informação. Uma dica: o Facebook é a maior rede de relacionamento de todo o mundo.


Vale ressaltar que, todo trabalho relacionado ao marketing precisa de planejamento, para depois ser executado e acompanhado. Contrate profissionais qualificados e aproveite ao máximo os serviços de otimização de vendas que o Marketing de Relacionamento e o Inbound Marketing podem oferecem para você e sua empresa. Lembre-se, independente do ramo de atuação, seu negócio precisa estar na internet e atento a todas as mudanças do mundo digital. E acima de tudo, seja único, faça seu trabalho com muito amor e profissionalismo!